#cancerdemama            #outubrorosa


ARTIGOS


Altura do dossel, massa e composição morfológica da forragem de plantas forrageiras pastejadas por frangos

Autores
Josiane Aparecida de Lima, Luciano Cristiano França, Vicente José Maria Savino, Antonio Augusto Domingos Coelho, Flávia Maria de Andrade Gimenes, Joana Batista Demski

Resumo

O sistema de criação alternativa de frangos é regulamentado por normas do Ministério da Agricultura que exigem o acesso das aves a pastos. Para avaliar os efeitos do pastejo de frangos em plantas forrageiras, esse experimento foi realizado na Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” ESALQ/USP em Piracicaba, SP, no período de abril a junho de 2010 (68 dias divididos em cinco períodos), com mensurações quinzenais de altura do dossel, massa de forragem total (MFT) e sua composição morfológica. O delineamento foi em blocos casualizados com três repetições. Os tratamentos corresponderam a três espécies forrageiras capim-coastcross, capim-quicuio e Estilosantes, em piquetes de 33m2 com duas densidades (m2/ave): D1= 3m2/ave e D2= 1m2/ave, em esquema fatorial 3x2. O Estilosantes apresentou os maiores resultados de altura (32,00 cm) e MFT (0,34 kg/m2) e o capim-quicuio os menores (10,69 cm e 0,13 kg/m2), com grande redução ao longo do experimento. Para o Estilosantes houve diferença de MFT entre as densidades D1 (0,39kg/m2) e D2 (0,28 kg/m2). Do primeiro ao quinto período de avaliação a massa de folhas da D2 foi reduzida para todas as forrageiras, principalmente Estilosantes (0,16 e 0,03 kg/m2 para e D1 e D2 no período cinco, respectivamente). As plantas forrageiras e as densidades avaliadas podem ser usadas para pastejo de frangos, porém o Estilosantes na D2 e capim-quicuio em ambas as densidades apresentaram condições limitantes para entrada de um novo lote de animais.

 

Palavras–chave: avicultura alternativa, Pennisetum clandestinum, Cynodon spp, lotação contínua, Stylosanthes,pastejo por aves Canopy height, herbage mass and morphological composition of forage plants grazed by broilers

 

 

Abstract:

 

The alternative or rustic raising system of broilers is regulated within Ministry of Agriculture norms that require the access of chicken pasture poultry. To evaluate the effects of broilers grazing in forages, this experiment was conducted at the Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" ESALQ/USP, Piracicaba, SP State, from April to June 2010 (68 days divided into five periods) by biweekly measurements of canopy height, forage mass (TFM) and morphological composition. The design was a randomized block with three replications. The treatments consisted of three species coast cross grass, kikuyu grass and Stylosanthes in paddocks of 33m2 with two densities (m2/chicken): D1 = 3m2/chicken and D2 = 1m2/chicken in a factorial 3x2. Stylosanthes showed the highest height (32.00 cm) and TFM (0.34 kg/m2) and kikuyu grass the lowest (10.69 cm and 0.13 kg/m2), with a large reduction over the experimental period. Only in Stylosanthes was difference for TFM between the densities D1 (0.39 kg/m2) higher than D2 (0.28 kg/m2). From first to fifth evaluation period, the leaf mass of D2 was reduced for all the plants, especially Stylosanthes (0.16 and 0.03 kg/m2 for D1 and D2 in period five, respectively). Forage crops and densities can be used for grazing broilers, but Stylosanthes in D2 and kikuyu grass in both densities were limiting conditions for the immediate entry of new group of animals.

 

Keywords: alternative aviculture, continuous stocking, Cynodon spp, grazing by chicken, Pennisetum clandestinum, Stylosanthes

Íntegra (PDF)

Veja todos os artigos



Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir