Identificação de artrite em suínos utilizando imagem termográfica

  • Daniela Espangue Graciano Universidade Federal da Grande Dourados, Faculdade de Ciências Agrárias, Dourados, MS
  • Irenilza de Alencar Naás Universidade Federal da Grande Dourados, Faculdade de Ciências Agrárias, Dourados, MS
  • Rodrigo Garofallo Garcia Universidade Federal da Grande Dourados, Faculdade de Ciências Agrárias, Dourados, MS
  • Fabiana Ribeiro Caldara Universidade Federal da Grande Dourados, Faculdade de Ciências Agrárias, Dourados, MS
  • mayara Rodrigues de Santana Universidade Federal da Grande Dourados, Faculdade de Ciências Agrárias, Dourados, MS
  • Guilherme Rodrigues do Nascimento Universidade Estadual de Maringá, Maringá, PR
Palavras-chave: artrite, lesão, termografia infravermelha

Resumo

Nos sistemas intensivos de produção de suíno uma das afecções mais prevalentes são as artrites, que causam dor aos animais podendo afetar seu desempenho e bem-estar. Deste modo, o diagnóstico precoce torna-se importante para que se dispense aos animais tratamento adequado em tempo hábil. Objetivou-se com este estudo de caso, avaliar a eficiência do uso das imagens termográficas para identificação de artrite, ou de lesões em suínos. Foram utilizados cinco animais com suspeita de artrite nos membros posteriores. A temperatura superficial (TS) dos membros posteriores foi registrada por meio de imagens termográficas utilizando o termovisor da Testo®. Foram calculadas as médias de 10 pontos da TS de cada membro posterior dos suínos, sendo posteriormente comparadas utilizando o teste t-Student, com confiabilidade de 95%. Os valores médios de TS foram menores (P≤0,05) no membro sadio (33,6°C), do que naquele com artrite (35,6°C) evidenciando que, por meio de imagens termográficas, é possível a identificação de processos inflamatórios em suínos.
Publicado
13-01-2014
Como Citar
Graciano, D., Naás, I., Garcia, R., Caldara, F., Santana, mayara, & Nascimento, G. (2014). Identificação de artrite em suínos utilizando imagem termográfica. Boletim De Indústria Animal, 71(1), 79-83. https://doi.org/10.17523/bia.v71n1p79
Seção
SANIDADE ANIMAL

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)