Silagem de milheto (Pennisetum americanum) com inclusão de grãos de sorgo e inoculação microbiana

  • Maria da Graça Morais Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Campo Grande, MS
  • Camila Celeste Brandão Ferreira Ìtavo Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Campo Grande, MS
  • Luis Carlos Vinhas Ítavo Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Campo Grande, MS
  • Raquel Braga Rosa Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Campo Grande, MS
Palavras-chave: composição química, DIVMS, inoculante microbiano, parâmetros fermentativos, pH.

Resumo

Objetivou-se avaliar a qualidade de silagens de milheto, confeccionadas com o uso de aditivos, por meio da avaliação de pH, composição química e digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS). Os tratamentos consistiram em milheto: com ou sem grãos de sorgo e com ou sem inoculante, em esquema fatorial (2x2). Teores de matéria seca (MS), proteína bruta (PB) e DIVMS aumentaram com a inclusão de sorgo. O pH das silagens com sorgo e inoculadas foi menor que o das silagens de milheto controle. O teor de nitrogênio insolúvel em detergente ácido (NIDA) e de fibra em detergente ácido (FDA) foi menor para a silagem com sorgo. A inoculação não influenciou a MS (23,76%) e DIVMS (48,90%). Houve interação entre inclusão de sorgo e inoculante para fibra em detergente neutro (FDN). A adição de grão de sorgo melhora as características da silagem, resultado de melhor conservação. O uso de inoculante reduz o pH, inibindo fermentações indesejáveis e proporcionando maiores teores de PB. 
Publicado
07-02-2015
Como Citar
Morais, M., Ìtavo, C., Ítavo, L., & Rosa, R. (2015). Silagem de milheto (Pennisetum americanum) com inclusão de grãos de sorgo e inoculação microbiana. Boletim De Indústria Animal, 72(2), 124-128. https://doi.org/10.17523/bia.v72n2p124
Seção
FORRAGICULTURA E PASTAGENS