#cancerdemama            #outubrorosa

Bulletin of Animal Husbandry
Volume: 26 - Número: único - Pg: 155-164 - Ano: 1969


Autores
C. de S. Lucci, H. J. Sartini, F. L. Pires e J. C. A. de Mattos.


Observações sobre hábitos de vacas leiteiras em pastos de capim napier (Pennisetum purpureum) II.
Resumo

Quatorze vacas mestiças, em mesmo estágio de lactação, foram distribuídas em 2 grupos segundo suas produções leiteiras corrigidas ao teor de 4% de gordura, sorteando-se os grupos para dois piquetes de 4.200 m2 cada, formados com capim Napier.Durante 72 horas consecutivas, interrompidas para execução das ordenhas, foram realizadas observações de seus comportamentos, repetidas a intervalos de 5 minutos.Os observadores não foram capazes de distinguir com perfeição o ato de ruminar nos animais  que se deitavam, motivo pelo qual  êste dado foi desprezado. Foram analizados somente os tempos de pastejo, julgados de maior importância entre os hábitos perfeitamente detectados.O tempo de pastejo por vaca e por 24 h foi igual a 8 h 16 mm, confrontado com o resultado de 7 h 24 mm fornecido por experimento anterior. Atribuiu-se esta diferença aos períodos de estabulação mais curtos, utilizados no caso presente.Os dois grupos de vacas apresentaram tempos de pastejo estatisticamente diferentes, pelo teste F, ao nível de 5% de probalibilade; o grupo de maior produção apresentou maiores períodos de pastejo. O coeficiente de correlação entre produções de leite corrigidas a 4% e tempos de pastejo foi r = 0,7 14, significativo ao nível de 1 % de probabilidade. Aproximadamente 71 % do tempo despendido no ato de. pastejar ocorreu no período ciurno.


Observation of the behaviour of dairy cows, at Elephan Grass pastures (Pennisetum purpureum II.
Abstract

Fourteen crossbred cows with 5-6 months post- partum, were divided in two groups according to their fat corrected milk production. Each group was randomly assigned to a 4.200 m Elephant grass pasture.Observations of their behaviours were conducted for 72 hours making notations about each animal every 5 minutes. At the milking times these records were interrupted.Observers were unable to distinguish if animals were ruminating when laying down, so these data are missing. Because of this only the grazing times were analized on a 24 hours basis. Such data could be accepted with condidence, and they are the most important.Grazing time by cow by 24 hs was 8 h 16 m, compered with 7 h 24 m of a previous trial. The difference occurred because the estabulation periods were shorter in this case.Grazing times were statistically different (p < 0,05) for production groups; the better group had higher grazing time. Correlation coeficent between fat corrected milk and grazing times was r 0,7 14, statistically signifficant (p < 0,01). About 71% of grazing happened at day light time.The periods of more intense grazing were: a) after the afternoon milking until darkness, between 4.28 pm 6.30 pm; b) immediatly after the morning milking, between 7 a.m. and 9 a.tn.; c) between 9 pm and 11 pm; d) by noon e) by 2.30 a.m. 


Íntegra (PDF)




Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir