#NovembroAzulOficial            #NovembroAzul

Bulletin of Animal Husbandry
Volume: 48 - Número: 1 - Pg: 7-11 - Ano: 1991


Autores
R. H. Alvarez, A. S. L. Feitoza


Transferência de embriões ovinos em condições de campo
Resumo

Foi avaliada a eficácia de um programa de transferência de embriões ovinos a nível de campo. Dez ovelhas da raça Ideal, divididas em dois lotes de cinco animais, foram superovuladas com HMG (gonadotrolina da mulher na menopausa) ou PMSG (gonadotrofina sérica de égua prenhe) respectivamente e cobertas no cio induzido após um tratamento de sincronização utilizando esponjas vaginais de medroxiprogesterona durante doze dias. A coleta de embriões foi realizada pela via cirúrgica sete dias após a cobertura. Em média foram observados 8,1 corpos lúteos; 1,4 folículos e recuperados 4,8 embriões, dos quais 2,1 embriões viáveis por doadora coletada. A taxa de embriões viáveis do tratamento HMG (62,5%) foi maior que a observada no tratamento PMSG (17,8%). Sete ovelhas mestiças suffolk receberam cirurgicamente um ou dois embriões, tendo obtido quatro (57,1%) gestações.


Sheep embryo transfer on farm conditions
Abstract

The efficiency of an embryo transfer program was evaluated with sheep on farm conditions. After a 12 days medroxiprogesterone intravaginal devise treatment for oestrus sincronization, ten Ideal ewes were superovulated with HMG (Human Menopausic Gonadotrophin) or PMSG (Pregnant Mare Serum Gonadotrophin), five in each treatment. Seven days after the matting, the embryos were cirurgically recovered. The following mean results were observed per donor: 8.1 corpora lutea, 1.4 follicles, and 4.8 total embryos from which 2.1 were of good quality. The rate of good embryos from the HMG treatment was greater than the PMSG treatment (62.5% and 17.8%, respectively). Seven crossbred Suffolk ewes received cirurgically one or two embryos from which four (57.1%) pregnancies were obtained.


Íntegra (PDF)




Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir