#NovembroAzulOficial            #NovembroAzul

Bulletin of Animal Husbandry
Volume: 46 - Número: 1 - Pg: 113-123 - Ano: 1989


Autores
A. A. D. de Oliveira, B. do E. S. de Campos, E. A. Schammass, F. L. Pires


Fontes de variação da produção de leite e gordura em vacas da raça holandesa preta e branca
Resumo

Em animais da raça holandesa preta e branca (HPB) submetidos ao controle leiteiro oficial (43 rebanhos), foram estudados os efeitos fixos de origem do pai da vaca, grau de sangue da vaca, época do ano e ano de parição, rebanhos, classes de duração da lactação, classes de idade da vaca à parição e o efeito aleatório representado por vaca dentro de rebanho, sobre a produção de leite e de gordura. Na análise estatística adotou-se um modelo matemático para comparação total e outro para comparação pareada ou por máxima verossimilhança. Em todos os métodos adotados foram significativos (P < 0,05) os efeitos fixos de origem do pai, época do ano, ano, rebanhos, classes de duração da lactação e classes de idade da vaca, O efeito aleatório de vaca dentro de rebanho foi significativo (P < 0,05) e incluído apenas nos processos de máxima verossimilhança e comparação pareada. Animais com pai de origem norte americana tiveram produções superiores aos demais. As produções das vacas com parição na época seca foram superiores àquelas paridas nas águas. A regressão da produção na lactação em função da classe de idade à parição, de efeito quíntico, demonstrou a ocorrência de produção máxima no período de 81 a 84 meses, quando adotado o processo de máxima verossimilhança.


Sources of variation in milk and fat production in black and white holstein cows
Abstract

An animal population of black and white holstein cows was submited to the official milking control (43 herds) and it was studied the fixed effects of origin of the sire father cow, blood grade of the cow, year season and year of calving, herds, classes of lactation length, classes of age of the cow at calving and the random effect of cow within herd on milk and fat production. One mathematical model was utilized in gross comparison and another for paired comparison and maximum likelihood method. In both models there were significant effects (P < 0.05) for the fixed effects of sire father cow origin, year season, year, herds, classes of lactation lenght and classes of age of the cow. The random effect of cow within herd was significant (P < 0.05) and included only in the processing of maximum likelihood. Sires from U.S.A. had better daughters productions than the others sires. Cows calving during the dry season were superiors than those calving during the weat season. Regression of milk production on classes of age at calving reached the quintic grade and showed the maximum milk production from 81 to 84 months of age when it was used the maximum likelihood process. There were no significant differences of milk and fat production based on blood grade.


Íntegra (PDF)




Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir