#cancerdemama            #outubrorosa

Bulletin of Animal Husbandry
Volume: 45 - Número: 1 - Pg: 165-174 - Ano: 1988


Autores
D. A. Berto, M. Gorni, M. P. de Moura, J. C. de M. Camargo, A. de O. Lobão


Feno de aguapé (Eichhornia crassipes Solms.) no arraçoamento de suínos nas fases de crescimento e terminação
Resumo

O experimento foi conduzido com o objetivo de estudar a viabilidade de utilização do Feno de Aguapé (FA) nas rações de suínos em crescimento-acabamento, com base no desempenho e qualidade de carcaça dos animais. Utilizaram-se 32 suínos (16 machos castrados e 16 fêmeas) da raça Landrace, os quais foram alimentados à vontade com rações contendo níveis de 0, 7, 14 e 21% de FA. Na fase de crescimento (0 a 49 dias) os animais receberam rações com 16% de PB e na fase de terminação (49 a 90 dias), com 14% de PB. O delineamento experimental utilizado foi o fatorial em blocos ao acaso (2 sexos x 4 níveis de FA). As variáveis estudadas foram consumo diário médio de ração (CDMR), ganho diário médio de peso (GDMP), conversão alimentar (CA), rendimento de carcaça (RC), comprimento de carcaça (CC), espessura do toucinho (ET). rendimento de pernil (RP), área de olho de lombo (AOL) e relação gordura/carne (G/C). A análise da variância mostrou efeito significativo (P < 0,01) dos níveis crescentes de FA nas rações sobre o CDMR, GDMP, CA, RC e ET. Quando a soma de quadrado de tratamento foi decomposta em seus componentes individuais de regressão, constatou-se efeito linear significativo (P < 0,01) dos níveis de adição de FA nas raçães sobre o CDMR, GDMP, CA, RC e ET, e efeito quadrático significativo (P < 0,05) sobre o GDMP. Quanto ao sexo, os machos em relação às fêmeas apresentaram maior CDMR (P < 0,05), pior CA (P < 0,01), maior ET (P < 0,01) e maior G/C (P < 0,05). Concluiu- se que os níveis crescentes de FA prejudicaram o desempenho dos animais em crescimento-terminação, contudo, o seu uso na alimentação de suínos em níveis próximos de 7,0% pode ser economicamente viável.


Water hyacinth dried (Echhiornia crassipes Solms.) on feeding for growing and finishing swines
Abstract

Thirty two Landrace breeders, were utilized to study the effects of water hyacinth (Eichhornia crassipes) on the feeding of growing and finishing swines. The experiment consisted of the following treatments: a) control ration, based in the corn and soybean meal; b), c) and d) rations with 7.0, 14.0 and 21.0% of the water hyacinth dried respectively. It is deduced that hight levels of water hyacinth, decrease swine performance, however its use on animal feeding up to 7.0% will may be economically viable.


Íntegra (PDF)




Envie a um amigo

Adicione ao Favoritos

Imprimir